5.12.09

Sem metades de mim


Ehhh..ter alguém muito perto tentando se misturar com vc..suja um pouco a sua essência...

e por mais idiota q eu seja..eu gosto de mim purinha.

Como dizem, para se ter um relacionamento é necessário abrir mão de varias coisas ( a maioria delas que vc adoooora) para poder estar bem com a outra.

E então os dois se enchem de proibições e fingem serem felizes para sempre, p q concordam em não fazer mais porra nenhuma que deixe o outro vivo demais á ponto de chamar atenção dos outros.

E um não vai mais jogar bola, p q a namorada também não vai mais dançar.

Até que um belo dia, as duas pessoas mudaram tanto que não são mais as mesmas por quem se apaixonaram.

Transformaram-se em duas pessoas reprimidas e sem a luz que se encontra em quem é livre e feliz. Em quem dança sem música, em quem finge tocar guitarra invisível.

Se vc se apaixonou pelo brilho nos olhos de alguém, pelo jeito como ela fala, por sua forma atlética...é importante lembrar que a vida a fez assim.

Se ela é forte, se ele fala bem, por que invejar e querer apagar o que de bom e especial existe no outro.

Por que querer uma pessoa só pra si...se ela é do mundo?

Se vc se apaixonou e tenta mudar esta pessoa..logo a paixão vai embora..e se o relacionamento fica... nascem as mágoas por se ter aberto mãos dos sonhos, dos ideais ou até mesmo das coisas bobas que se gosta de fazer. Em uma briga, pode ter certeza que tudo servirá como munição para se jogar na cara do outro.

É possível ser feliz sozinha, mas também é possível ser uma pessoa inteira ao lado de outra. Nem só de metades são feitos os casais.

Talvez por isso as pessoas não fiquem mais tanto tempo juntas. Talvez elas tenham descoberto que não são metades e às vezes pro outro perceber isso seja um duro golpe.

Nem todos estão prontos para viverem ao lado de outra que não precisa dela pra nada. Apenas para amar.

Amar não significa ter que contar os passos dados até a padaria. Não significa não poder ir a lugar algum sozinho. Às vezes é bom estar consigo mesma.

È bom poder pensar sem querer contar pro outro sobre o que é.

Não quero ninguém orbitando ao meu redor....quero outro astro ao meu lado...quero brilhar com alguém.

Quero alguém que agregue, que bote fogo, não que apague o meu!

Na verdade nem quero ninguém...as vezes é melhor estar acompanhada dos seus botões....

Um comentário:

Vento disse...

As pessoas vivem carregando máscaras, não é que com o relacionamento elas mudam e não mostram mais aquilo pelo que você se encantou, é que na verdade você passa a conhecê-las mais com a convivência, e é muito raro encontrar alguém verdadeiro. Pessoas são falsas isso é um fato, tentam atender a todos os clichês e complicam as coisas simples. Quando você encontrar uma pessoa que não seja medíocre, quando você realmente alinhar discurso à ação, seu pensamento mudará, não serão duas metades unidas, serão dois seres completos e imperfeitos que se complementam, conhecem e se apóiam. Até lá deixe aqueles que comem grama viverem e respire feliz. * * *